Na preparação ao 12º Encontro Nacional da Juventude Revolução, é preciso dar a devida importância à formação política de nossos militantes. Neste sentido, o Conselho Nacional da Juventude Revolução orienta que os núcleos organizem atividades de formação e debate.

Acesse o PDF

Para março, a indicação que fazemos é que os militantes leiam, estudem e discutam a nossa mais nova cartilha, “Drogas, Imperialismo e Luta de Classes” (em anexo), com texto de Ney Jansen. Em um momento no qual vemos uma grande ofensiva em torno da campanha pela legalização da maconha (levada por conhecidos inimigos da juventude como o ex-presidente tucano Fernando Henrique Cardoso, mas também por várias organizações de jovens), este artigo ajuda a explicar a relação entre as drogas e a sustentação do imperialismo e nos ajuda a entender porque a legalização é uma armadilha. Traz uma série de informações que podem ajudar a enriquecer o nosso debate.

A Juventude Revolução reafirma: a juventude não precisa de drogas, mas de emprego, educação, cultura e esporte!

Como organizar
O primeiro passo é escolher uma data, horário e local.

É importante escolher com cuidado para que o núcleo tenha as condições de fazer um bom debate, por isso é preciso fazer em uma ocasião que os militantes tenham tempo para se preparar, assim como no dia o debate dure o tempo necessário. Depois, é preciso garantir que todos recebam o quanto antes a cartilha impressa, para poder ler e se preparar. O núcleo pode ainda convidar jovens que não militem na JR, mas que se interesse em conhecer nossa organização. Uma pessoa precisa ficar responsável por apresentar um informe inicial, para abrir o debate no dia do campo de formação.

Saudações revolucionarias,

Conselho Nacional da Juventude Revolução

Em março, organizar novos campos de formação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *