Carta da Juventude Revolução ao congresso da JPT

Carta da Juventude Revolução ao congresso da JPT

Caros companheiros e companheiras, Ninguém duvida que vivemos um momento muito difícil. Ao prender Lula de forma ilegal, num processo sem provas o judiciário, com a pistola do exército apontada, avançou ainda mais o Estado de exceção no Brasil. A prisão de lula e a perseguição implacável ao PT ameaçam o futuro da nação e da juventude. É a expressão no Brasil dos ataques do Imperialismo que promove os bombardeios na Síria, o massacre de crianças na Palestina, o Bloqueio na Venezuela.

17 de Maio- Dia Internacional de Combate à Homofobia

17 de Maio- Dia Internacional de Combate à Homofobia

Hoje, dia 17 de maio de 2018, completa 28 anos que a Organização Mundial da Saúde (OMS) retirou a homossexualidade da lista de doenças, dessa maneira dando o primeiro passo para o progresso nos direitos da comunidade LGBTI. A data ficou marcada como o Dia Mundial da Luta Contra a Homofobia e foi pontapé inicial para políticas posteriores de legalização da união civil. A comunidade LGBTI é um dos grupos sociais que mais sofrem com a falta de leis específicas para suprir suas necessidades. Os poucos direitos sociais adquiridos vieram devagar e os que ainda precisam ser conseguidos são constantemente barrados pela presença de um congresso retrógrado e pela bancada conservadora que barra os projetos de lei que permitem o avanço nas políticas para mulheres, negros e LGBTI – retrocessos como a PEC 181 e impedindo avanços como a criminalização da homofobia. Recentemente, dia 14, a legalização do casamento civil entre casais homoafetivos fez 5 anos. 5 anos que os casais homossexuais brasileiros podem estabelecer sua união e ser resguardados pelo estado. No primeiro ano de aplicação da norma foram celebrados 3.700 casamentos desses casais. Uma vitória para a comunidade! Apesar dos avanços citados a homofobia ainda é um fator de morte no Brasil. Em 2017, 445 lésbicas, gays, bissexuais, travestis, transexuais, transgêneros e intersexuais (LGBTI) foram mortos em crimes motivados por homofobia, isso significa uma vítima a cada 19 horas, além da situação dos transexuais e travestis que possui características bem únicas que passam por números específicos de assassinato, educação e prostituição. A homofobia é uma realidade concreta e crescente! A criminalização da homofobia é um passo essencial para conseguir justiça para uma comunidade que é silenciada e morre por conta de sua orientação sexual, mas a onda de retrocessos que acompanha o golpe de 2016 já mostrou que veio para tirar o direito dos oprimidos e frear as conquistas sociais. Com esse congresso não será possível avançar na conquista das necessidades da população LGBTI, pois os golpistas não estão aqui para assegurar os direitos do povo e sim para perpetuar a política golpista que é consequência do imperialismo que sobrevive ao retirar direitos e para privilegiar a burguesia do país que mata preto, pobre, índio, gay, lésbica e trans. É necessário novas políticas públicas que sejam construídas e decididas pela comunidade atingida, pelo povo que utiliza tais políticas e para isso é necessário que suas vontades sejam expressadas nos poderes executivo e legislativo. E não é isso que acontece hoje no Brasil do golpista Michel Temer com seus 3% de aprovação e este Congresso nacional que é o mais conservador desde 1964, desde o tempo da ditadura. É necessário varrer as instituições podres e viciadas deste país que garante a não-representação desta comunidade, das mulheres, negros e pobres no Congresso. De forma resumida é necessário modificar estas instituições que garantem a matança da comunidade LGBTI com a convocação de uma Assembleia Constituinte Exclusiva para podermos destravar as estruturas do país e avançar cada vez mais nas necessidades da

15º ENJR: Por direitos, democracia e futuro: Por Lula livre, Lula presidente!

15º ENJR: Por direitos, democracia e futuro: Por Lula livre, Lula presidente!

Depois de dois anos do golpe, é o nosso futuro que está ameaçado. Os ataques aos direitos e a prisão ilegal de Lula colocam a democracia em risco. A luta para retomar nossos direitos integra a luta pela liberdade de Lula e a garantia de sua candidatura. GOLPE CONTRA OS DIREITOS! Na crise do capitalismo, os imperialistas não suportam a menor concessão de direitos para a juventude e a classe trabalhadora. Precisam destruir todo e qualquer resto de garantia que conquistamos em diversos países do mundo. Por isso bombardearam a Síria, dando continuidade a sua política de guerra e, através do FMI e Banco Mundial, aplicam contrarreformas. Nessa via, fazem também um cerco político e econômico para derrotar a resistência do povo Venezuelano. E, no Brasil, patrocinaram um golpe jurídico-parlamentar. Nós conquistamos, num longo processo de resistência, principalmente durante os governos do PT, mais empregos, salário mínimo com aumento real, aprovamos 10% do PIB e 75% do Fundo Social do Pré-Sal para educação permitindo maior acesso dos filhos dos trabalhadores às escolas e universidades públicas. Nada disso tem espaço em uma política econômica que prioriza o bolso dos banqueiros ao invés dos serviços públicos, por exemplo. Para ampliar os ataques à juventude e aos trabalhadores, os golpistas aprovaram no congresso nacional a emenda constitucional 95 que congela os investimentos públicos por 20 anos! É essa emenda que hoje arremessa a educação no caos, sem orçamento, preparando um terreno que pode levar à cobrança de mensalidades e taxas nas escolas e universidades públicas, reduzindo as vagas e sucateando-as. O golpe desinvestiu no país, empresas fecharam, patrões estão demitindo de qualquer jeito, porque a reforma trabalhista foi aprovada, e nós saímos de mãos abanando. Aumenta assim, o desemprego e a informalidade levando mais jovens à rodoviárias e transportes públicos para vender doces, por exemplo. Nessa situação, a juventude negra “desaparece” e morre de bala “perdida” como nunca. Afinal, se o próprio governo ataca os direitos, também não vai garantir a vida de quem fica na mira de uma polícia militarizada. Os eventos culturais estão concentrados nos centros das cidades. Sem passe livre estudantil e meia entrada irrestritos, fica cada vez mais difícil o acesso à cultura. As atividades que acontecem na nossa própria quebrada são no improviso, muitas vezes sem espaço físico adequado. São os movimentos culturais que se desdobram para fazer acontecer, enquanto nós sabemos que esse é também o papel do estado. Falta cultura, falta lazer, falta esporte, mas o que não falta são as drogas, cujo principal objetivo é destruir fisicamente a juventude e, por consequência, a sua capacidade de luta. As drogas são oferecidas como saída porque justamente não querem nos garantir a verdadeira solução para os nossos problemas: emprego, educação, saúde, cultura e esporte. O SISTEMA ESTÁ PODRE! O assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL) e dos 5 jovens de Maricá demonstram o fracasso da intervenção militar no Rio de Janeiro. As instituições estão completamente apodrecidas e são rejeitadas pela grande maioria do povo. Afinal, quem acredita

Parabéns ao Renova Andes!

Parabéns ao Renova Andes!

Parabenizamos a chapa Renova Andes pelos 45% dos votos obtidos nas eleições do Andes Sindicato Nacional no último dia 10 de maio. ​Vimos durante a campanha que muitos docentes abraçaram as propostas do Renova de lutar contra o golpe, pela democracia com Comitês por Lula Livre e em defesa dos direitos docentes e da universidade pública.​ Para nós que estamos juntos com os estudantes na luta pela recomposição do orçamento e revogação da PEC 95 como ocorre agora na greve na UNB e UFMT é uma imensa alegria comemorar com vocês essa vitória e saber que daqui para frente “nada será como antes”​ no movimento docente​. Contem conosco nesta luta! ​Saudações,   Sarah Lindalva. Secretária Nacional da Juventude Revolução.   Segue no link abaixo o Comunicado da Chapa Renova Andes Comunicado Renova após eleições

Jovens se reúnem em São Carlos para discutir o PT

Jovens se reúnem em São Carlos para discutir o PT

No dia 21 de abril, jovens interessados em discutir a conjuntura nacional e o protagonismo da juventude no Partido dos Trabalhadores se reuniram na Praça XV para uma segunda roda de conversa. O encontro não se restringiu a filiados; estudantes da USP São Carlos, da UFSCar e secundaristas compareceram para tirar dúvidas sobre o funcionamento do partido e pensar as possibilidades de atuação dos jovens dentro de suas instâncias de decisão.

Estudantes da UFMT em greve contra o desmonte da universidade! Contra o aumento do RU!

Estudantes da UFMT em greve contra o desmonte da universidade! Contra o aumento do RU!

A Administração da UFMT apresentou no mês de fevereiro a proposta de mudança da política de alimentação do Restaurante Universitário, que até então tem a política de universalidade a R$ 1,00. A mudança prevê o fim do auxílio-alimentação em troca da oferta de regradas bolsas de gratuidade de acesso ao RU para aqueles que comprovarem maior vulnerabilidade socioeconômica e, o “restante” dos estudantes teriam de pagar R$ 5,00. Contudo, a resistência dos estudantes se fez valer e após um grande processo de mobilização a reitoria suspendeu a aplicação da mudança da política de alimentação.

Greve dos estudantes na UNB por recomposição orçamentária!

Greve dos estudantes na UNB por recomposição orçamentária!

A Universidade vive um déficit de 92 milhões nas contas em razão do teto orçamentário imposto pela Emenda Constitucional 95. A reitoria, sob pressão do MEC, erradamente, aplica um ajuste que consiste na demissão em massa de funcionários terceirizados, estagiários e propõe o aumento do RU de R$2,50 para R$6,50. A luta contra essas medidas acontece desde o ano passado e se intensificou nas férias contra o aumento do RU e, deu continuidade, com as novas demissões de terceirizados e estagiários.

No 1º de maio, todos às ruas em defesa dos direitos e por Lula livre!

No 1º de maio, todos às ruas em defesa dos direitos e por Lula livre!

Está mais que nunca na ordem do dia a defesa de Lula livre. Lula é líder em todos os cenários de intenção de votos para a eleição de outubro. Sua candidatura está a serviço da juventude e dos trabalhadores, por isso os golpistas de toga querem a todo custo tirar ele da disputa. Não vamos aceitar! Lula é o candidato do PT e do povo! Dia 15 de agosto o PT vai oficializar Lula como seu candidato! No primeiro de maio não tem tarefa mais importante que a defesa dos direitos e a luta por Lula livre! O golpe vem atacando os direitos dos trabalhadores e destruindo o futuro da juventude. Em seu discurso histórico no Sindicato dos Metalúrgicos, se comprometeu em realizar uma Constituinte. É o ponto de apoio para que todas as medidas dos golpistas sejam revogadas, federalizar o ensino médio, criar novas universidades públicas e escolas técnicas e adotar outras medidas que beneficiem o povo. A liberdade de Lula depende da nossa mobilização, depende da ampliação dos comitês Lula Livre para transformar a luta de milhares na luta de milhões. Nesse 1º de maio, dia Internacional dos Trabalhadores, vamos fazer ecoar a defesa de Lula, a defesa dos direitos, a luta pela garantia de um futuro para a juventude! Organize-se! Lute conosco! Lula livre! Lula presidente! Não tem plano B! Lula com constituinte!

Em ato unificado, estudantes e trabalhadores mandam recado ao prefeito de Florianópolis: Gean, esquece! Não vai ter O.S.!

Em ato unificado, estudantes e trabalhadores mandam recado ao prefeito de Florianópolis: Gean, esquece! Não vai ter O.S.!

A Juventude Revolução em Florianópolis participou do ato unificado contra as OSs (Organizações Sociais) no serviço público no dia 25 de abril. Foram milhares de trabalhadores e estudantes nas ruas da cidade, chamando a atenção da população, contra a privatização da saúde e da educação. No dia 6 de abril, o prefeito de Florianópolis, Gean Loureiro (PMDB) encaminhou à câmara municipal o PL 17.484/2018, que entrega os serviços públicos municipais à responsabilidade da iniciativa privada.