No dia 28.04, milhares de estudantes de 100 universidades, em 18 Estados no Brasil atenderam o chamado da União Nacional dos Estudantes (UNE) na paralisação nacional contra o golpe!

A Juventude Revolução esteve presente realizando atos, paralisações, manifestações, panfletagens etc. nas universidades e nas escolas. Esse foi um passo para a resistência, que deve ganhar a maioria da juventude.

Paralisar as aulas, em conjunto com as paralisações dos trabalhadores, já convocada pela CUT e demais centrais para o dia 10 de maio é uma tarefa necessária para derrotar o golpe, que visa atingir os nossos direitos e  nossas organizações.

Nenhum passo atrás! Contra o golpe! Vai ter pré-sal para a educação!

Confira abaixo algumas fotos das atividades nas quais a JR esteve presente:

Na UNB, várias turmas fizeram paralisações e houve uma assembleia de cursos, que contou com mais de 300 estudantes!

 

Em Guarulhos, grêmios e estudantes de 7 escolas estaduais fizeram um ato “Contra o Golpe, Pela Merenda”.

 

No CETEP da cidade de Cruz das Almas (BA), militantes da JR realizaram panfletagem com estudantes para discutir a atual situação.

 

Na porta do Colégio Maria Petronila, em SP, militantes da JR fazem panfletagem contra o golpe!

 

 

No dia 28, paralisação estudantil contra o golpe indicaram o caminho!