Março Vermelho: Por direitos, por futuro!

Março Vermelho: Por direitos, por futuro!

Todo ano a Juventude Revolução se propõe a construir o Março Vermelho, uma série de atividades dedicadas a relembrar a luta das mulheres e construir sua luta nos dias atuais. Se nesse tempo as mulheres trabalhadoras travaram grandes batalhas hoje enfrentamos batalhas diferentes mas igualmente grandes. O sistema capitalista de hoje, na fase dos monopólios, o imperialismo, não consegue atender as necessidades da população num geral e consegue atender ainda menos as demandas específicas das mulheres. Nossa luta está inteiramente ligada à luta pelo fim da exploração de classe porque são as mulheres, sobretudo negras, que predominam nos serviços mais precarizados, por exemplo, com as relações de trabalho mais instáveis e desprotegidas.

Plenária Nacional da Juventude Revolução – 21 e 22 de outubro, Brasília

Plenária Nacional da Juventude Revolução – 21 e 22 de outubro, Brasília

O Brasil sofreu um golpe para destruir os direitos e atacar a soberania nacional. A educação teve o investimento limitado por 20 anos e sofreu graves cortes orçamentários, o Ensino Médio teve reforma que retirou conteúdos, os trabalhadores sofrem com a aprovação da reforma trabalhista e toda a nação é ameaçada com o plano anunciado de privatizações. Temer, o congresso e o judiciário, rezando a cartilha do capital financeiro querem avançar sobre todos os nossos direitos e conquistas, impedindo a juventude de ter direito a um futuro digno! Mas a luta da juventude em 2016 com centenas de ocupações de escolas e mobilizações, a greve geral de abril dos trabalhadores e suas organizações mostraram a disposição de resistência, que apesar das dificuldades, precisa prosseguir. Só através da luta é que poderemos defender nossos direitos!

O passe livre fica! SP não está a venda!

O passe livre fica! SP não está a venda!

No dia 09 de agosto, a Juventude Revolução, em conjunto com os movimentos sociais, culturais e os estudantes da cidade de São Paulo, ocuparam por 48h a câmara municipal de São Paulo para dar um recado ao Prefake João Dória: Não aceitamos que venda nossa cidade e muito menos que prive a juventude de ter acesso a ela. A ocupação teve como centro a luta contra os PL’s de privatizações do governo Dória e também contra as recentes mudanças implementadas pela gestão ao passe livre estudantil, que priva a juventude de realizar, utilizando o passe livre, qualquer tarefa extracurricular, como ir ao museu, teatro, biblioteca, estágio, etc.

Em SP, JR realiza seminário do Movimento estudantil

Em SP, JR realiza seminário do Movimento estudantil

A JR Paulista, neste ultimo sábado(29), realizou no sindicato dos petroleiros um seminário do movimento estudantil. Que teve como texto base o manifesto de Córdoba, passou pela discussão da história do ensino superior e do movimento estudantil no brasil e concluiu o dia com a explanação sobre as entidades estudantis (CA´s, DA’s, DCE´s, UNE, UBES, UEE, etc) e encaminhando a luta prática para o Próximo período.

55º Congresso da UNE aprova Fora Temer, Diretas Já E CONSTITUINTE!

55º Congresso da UNE aprova Fora Temer, Diretas Já E CONSTITUINTE!

O 55º Congresso da UNE reuniu cerca de 5 mil delegados e mais de 10 mil estudantes em Belo Horizonte para discutir o rumo do movimento estudantil para os próximos dois anos. Numa situação em que a juventude vê seu futuro ameaçado como na redução do FIES, cortes de verbas, ameaças de cobrança nas mensalidades em universidades públicas, aumento das mensalidades nas privadas, limite de gastos e as reformas trabalhista e da previdência esse congresso foi de máxima importância! Nossos desafios são grandiosos, e, portanto, precisamos de unidade para superar. O exemplo da unidade entre as centrais sindicais que construíram a histórica greve geral do dia 28 de abril – que desestabiliza o golpista e faz adiar a votação dos projetos no Congresso Nacional – serve para a juventude.

Delegações UNE É PRA LUTAR se dirigem pra CONUNE em BH

Delegações UNE É PRA LUTAR se dirigem pra CONUNE em BH

Acontece durante os dias 14-18 de junho, em BH, o 55º Congresso da União Nacional dos Estudantes (CONUNE). A UNE completa 80 anos em 2017 e tem uma tarefa muito importante neste momento grave, se colocando a serviço da resistência. Com 80 delegados eleitos na base, e dezenas de observadores, as delegações UNE é pra Lutar! começam a sair dos seus estado e algumas já começam a chegar, como é o caso das delegações de Alagoas, Bahia e Espírito Santo. Durante o resto do dia e nos próximos dias, estão previstas as chegadas de mais delegações de todos os estados que fizeram o combate tanto para a eleger os delegados quanto para garantir a presença no congresso através de arrecadações independentes de partidos, ONGs, empresas, afinal, quem paga a banda escolhe a música e para colocar a UNE pra lutar, ela tem que tocar sua própria música! A crise política se aprofunda. Os golpistas se uniram para tirar a presidente Dilma (PT) do poder, mas depois da demonstração de força da classe trabalhadora na greve geral do dia 28 de abril, se desentendem sobre quem deve governar, Michel Temer ou outro, pois não sabem quem tem as condições de prosseguir as reformas e retirada de direitos, o principal objetivo do golpe. Seguem com a disposição, entretanto, de atropelar os direitos de estudantes e trabalhadores. Mesmo nas cordas, mesmo chafurdados na lama, Temer e o congresso avançam sobre os direitos estudantis, dos trabalhadores e sobre a soberania nacional, atendendo aos interesses do capital internacional, enquanto o Judiciário atropela a democracia e avança um estado de exceção no Brasil. É com este entendimento, pela defesa dos direitos, pelo Fora Temer, Diretas já e Constituinte pra mudar, que a tese UNE é pra lutar!, impulsionada pela Juventude Revolução, vai fazer o combate dentro do CONUNE. Serão 5 dias de discussão política e construção de um movimento estudantil forte e a serviço da resistência contra o golpe! PH – Militante da JR-AL Ao longo do congresso estaremos atualizando o álbum.   Participação da Juventude Revolução no 55º Congresso da União Nacional dos Estudantes.O CONUNE acontece num grave… Publicado por Juventude Revolução em Quarta, 14 de junho de 2017