O Comando de Greve de Docentes, Estudantes e Trabalhadores da UFBA realizará dois atos nessa semana “contra o ajuste fiscal, em defesa da educação e dos trabalhadores”. Nesse dia 15.06, na frente da Reitoria da UFBA e, no dia 17.06, na Praça da Piedade, local em Salvador que simboliza a resistência dos trabalhadores.

A Juventude Revolução estará lá ao lado de todos que são contra o ajuste fiscal, encabeçado pelo ministro Joaquim Levy. Esse ajuste já nos leva à recessão, como mostram dados do IBGE. A renda do trabalhador caiu, o desemprego aumentou.

Nas universidades não é diferente. Os cortes na educação prejudicam não só a UFBA, mas diversas instituições de ensino do país! Os estudantes, professores e trabalhadores da UFBA e de outras universidades estão em greve por que não aceitam esse descaso com a educação, não aceitam o ajuste fiscal!

Não elegemos Dilma para aplicar o Plano Levy! Não elegemos Dilma para cortar o investimento em educação! Exigimos o fim da política de ajuste, a reversão dos cortes e a demissão do ministro banqueiro Joaquim Levy!

Todos às ruas!

Rodrigo Lantyer, militante da JR em Salvador.

Comando de greve unificado da UFBA faz atos contra o ajuste fiscal