Com a proximidade da Semana da Pátria,01 a 07 de setembro, a campanha do Plebiscito Popular pela Constituinte começa a esquentar, e comitês começam a surgir em variados lugares, como escolas, universidades, sindicatos, associações de moradores. Depois do 13º Encontro Nacional da Juventude Revolução, no qual deliberamos a necessidade de os núcleos da JR impulsionarem os comitês de base, o núcleo da JR em Pernambuco, em conjunto com o Diretório Acadêmico de Educação Física, impulsionou a construção de um Comitê na Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), neste dia 29/05.

O lançamento contou com estudantes e professoras, com o companheiro Alexander Valença (CUT-PE) realizando uma exposição explicando: O que é uma Constituinte Exclusiva e Soberana? O porquê de ser necessária a organização de um Plebiscito Popular? Por que mudar o sistema político? E como fazer?

Nas intervenções foram destacados além das questões mais gerais da política brasileira, os problemas específicos que as universidades brasileiras enfrentam, mais especificamente a UFRPE. A falta de restaurantes universitários nos campi do Interior (Unidade Acadêmica de Garanhus e Unidade Acadêmica de Serra Talhada), residência universitária, mais bolsas de políticas de permanência acadêmica, a qualificação e ampliação das estruturas de uma universidade que sofre com o inchaço e aprofundamento da precarização das condições de estudo e trabalho (para os docentes e técnicos-administrativos).

Questões que esbarram na necessidade de se ampliar as verbas para a Assistência Estudantil, e que com essas instituições, como o Congresso Nacional, não irão ser ampliadas, pois com esse Congresso não dá! Desse Congresso só podemos esperar projetos que aprofundem a precarização e o aprofundamento das terceirizações nas universidades.  Como uma companheira professora do Departamento de Educação da UFRPE colocou ‘’Além de não haver melhorias nas condições de trabalho, os docentes enfrentam um impasse pela a sua reestruturação da carreira. Com esse sistema político não podemos avançar num outro projeto de universidade, pública, gratuita, e de qualidade’’.

No próximo dia 13 de Junho, o Comitê da UFRPE pelo o Plebiscito Popular pela Constituinte voltará a se reunir, para discutir a campanha e as ações do Comitê. A Juventude Revolução chama todos os estudantes, técnicos e docentes da UFRPE a se engajarem na construção do Plebiscito Popular se integrando nas atividades do comitê!

João Victor Cruz é militante da Juventude Revolução em Pernambuco

Comitê do plebiscito pela constituinte é lançado na UFRPE