Na ultima sexta-feira (23/11) os estudantes de Santa Maria DF, convocados pelos Grêmios Estudantis, realizaram a primeira passeata por melhorias nas escolas da cidade. Partindo do CEM (Centro de Ensino Médio) 417, jovens do Ced (Centro Educacional) 310 e CEM 404 se dirigiram até a Regional de Ensino em tom indignado com o atual estado da educação reivindicando do governo Dilma e Agnelo a necessidade de exercerem uma política em defesa dos trabalhadores e da juventude.

O cenário nas escolas é caótico, pois os estudantes enfrentam salas de aulas super lotadas, aulas de educação física em quadras de esporte sem cobertura, laboratórios desativados, cobrança de taxas e problemas com o passe estudantil limitado e restrito. A situação do Ced 310 é ainda pior, a escola que funcionaria de forma provisória tem estrutura e espaço para receber apenas os estudantes de ensino fundamental. Não possui auditório, laboratórios e nem espaço adequado para biblioteca, o que faz com que um dos banheiros seja utilizado como depósito para livros. O fato de a escola ter sido a segunda pior colocada no DF pela classificação do ENEM é reflexo do descaso dos governantes.

Além de exigir o atendimento das reivindicações mais emergenciais, lutam por vagas para todos nas Universidades Públicas e construção imediata da Universidade Pública Distrital, como ficou expresso numa das falas no carro de som: ´´Estamos fartos da disputa desleal com os estudantes de escolas particulares quando chega o vestibular. Queremos educação gratuita e de qualidade em todos os níveis, o que é nosso direito. ´´

Ao chegarem a Regional de Ensino os estudantes foram recebidos pelo Diretor que se comprometeu em reunir na próxima semana com os diretores das escolas e disse que se esforçaria para solucionar os problemas. Promessas antigas como a construção de uma nova escola de ensino médio e cobertura de quadra nortearam a discussão e ressaltou-se a promessa do Governador em executar tais projetos.

´´A luta seguirá e voltaremos na próxima semana para averiguar os encaminhamentos e prazos a respeito das demandas. A organização dos estudantes através dos Grêmios estudantis só tende a ganhar mais força, como aconteceu em minha cidade´´. Afirmou um dos representantes de Grêmios Livres do Gama-Df que esteve presente na manifestação expressando o apoio e a unidade estudantil. A intenção dos estudantes é dar mais fôlego as mobilizações.

Ricardo Cavalcanti, é membro do CNJR

Estudantes vão às ruas em Santa Maria DF cobrar suas reivindicações!