No dia 10 de junho, foi criado o Comitê do Plebiscito Popular pela Constituinte do Sistema Político no bairro do Calabar, em Salvador. A histórica comunidade tem origem na luta contra a escravidão, através da vinda de escravos negros da cidade nigeriana de Kalabari. Fugindo da exploração dos engenhos, eles construíram o Quilombo dos Kalabari, onde hoje se localiza o bairro do Calabar. Ao longo da construção da comunidade, passando, inclusive, pelo processo de favelização da cidade de Salvador, o Calabar foi alvo de diversos ataques. Localizado entre bairros onde se concentra parte da burguesia soteropolitana, o povo do Calabar resistiu com muita luta contra a desapropriação da área.

Nesse cenário histórico de luta, alguns jovens e moradores se reuniram para discutir a campanha do Plebiscito pela Constituinte do Sistema Político. Rodrigo Lantyer, representando a Juventude Revolução, apresentou a campanha tocando nos entraves do sistema político brasileiro: financiamento empresarial, Congresso bicameral, desproporcionalidade no voto e o voto nominal. Além disso, colocou a necessidade de essa campanha se dirigir a Dilma, afinal, ela propôs a Constituinte, após junho de 2013! Yuri, do grupo de dança Balé Absolute, destacou que a juventude necessita ser atraída para os debates e, para isso, é importante que se programem atividades culturais após os encontros. Rodrigo Pita, da Biblioteca Comunitária do Calabar, integrou no debate a importância de mobilizar a base da comunidade, principalmente a juventude, como muito faziam antes os partidos representantes dos trabalhadores e os movimentos sociais.

Após o entendimento da campanha, fundamos o comitê e deixamos um indicativo de panfletagem na comunidade no dia 16.06, bem como uma reunião do comitê para pensar a organização de uma atividade ampla que massifique a campanha no bairro. Agora é ir de porta em porta, de morador em morador apresentando a campanha! Vamos pra a rua dar a palavra ao povo!

#ComEsseCongressoNãoDá!

#DilmaConvoqueAConstituinte!

Impulsionado comitê do plebiscito em bairro popular de Salvador (BA)