No dia em que Petrobras completou 60 anos os Petroleiros realizaram uma paralisação nacional que além das pautas especificas da categoria exigia também a suspensão do Leilão de Libra. Nesse mesmo dia 3 em São Paulo um ato com os petroleiros, a CUT e demais centrais sindicais, a UMES, a Juventude Revolução e outras organizações realizaram um ato na porta da Petrobras na Avenida Paulista, que se deslocou até a Assembleia Legislativa para uma audiência Pública, convocada pelo Deputado Estadual Adriano Diogo (PT), que discutiu a questão.

 

Tanto no Ato na Paulista quanto na Audiência Pública a Juventude Revolução interviu reforçando a necessidade de espalharmos essa luta por todo o país, multiplicando aulas públicas, debates e manifestações levantando a exigência ao governo que para que cancele esse Leilão de Libra, um ataque à soberania nacional.

Dando continuidade a essa luta a Juventude Revolução – SP prepara junto com o Comitê Estadual uma Aula Pública que acontece neste sábado 05/10 no vão do MASP, na capital paulista.

Luã Cupolillo, é militante da Juventude Revolução em SP

Paralisação dos Petroleiros e ato em São Paulo reforçam a luta contra o Leilão de Libra!