Nos dias 4 e 5 de maio de 2013 a Juventude Revolução fará a sua Plenária Nacional na cidade satélite do Gama, no distrito Federal. Plenária regimental, ela acontece a cada dois anos, intercalada com o Encontro Nacional da JR, para reunir os coordenadores de núcleo e o Conselho Nacional.

A plenária será um momento para atualizarmos a discussão a respeito da luta da juventude e dos trabalhadores, para ajudar a resistir a politica de guerras e exploração do Imperialismo e definirmos novas iniciativas. Vamos ainda reforçar as campanhas aprovadas pelo ultimo Encontro da JR e que continuaremos a desenvolver. Queremos construir uma JR nas lutas, nas escolas, nas universidades, nas ruas e nos bairros, ajudando a avançar a luta pelas reivindicações da juventude e pelo fim da exploração do homem pelo homem! Nesse processo de preparação convidamos os jovens a construir conosco a Juventude Revolução.

Na luta pela punição aos crimes da ditadura!

Perto de completar 49 anos do golpe militar de 1964 sem que ninguém tenha sido punido pelos crimes cometidos pelo regime, a JR se engaja na campanha pela punição aos crimes da ditadura, que deixou mais de 400 mortos e desaparecidos, torturou e perseguiu milhares de pessoas e que militarizou a PM que até hoje segue como um instrumento de genocídio da juventude, sobretudo a juventude negra e das periferias.

Com passagens em escolas, universidades, organização de debates e reuniões, colagem de cartazes, preparamos nossa intervenção na Jornada de Lutas da Juventude no final de março e prosseguimos a campanha, que deve servir também para apresentar a JR e reforçar os núcleos.

Na luta pela Retirada das tropas do Haiti

O Haiti está ocupado pelas tropas da ONU desde 2004. São 9 anos de ocupação militar, oprimindo o povo do Haiti. Desde então a JR tem feito campanha pela retirada das tropas brasileiras, em solidariedade ao povo haitiano. E nesse ano ajudamos a preparar a conferência continental pelo fim da ocupação, que será feita no Haiti em 1° de junho e para isso vamos, a partir de abril, jogar peso em atividades e debates em escolas e universidades, ajudando a divulgar e reforçar a luta pela retirada das tropas!

Avançar nossa construção no movimento estudantil: Indepêndencia e unidade na UNE e na UBES para exigir de Dilma o atendimento das reivindicações!

A plenária será um bom momento para discutirmos como avançar a nossa construção no movimento estudantil, ajudando a combater desde as entidades de base como CAs, Das, Grêmios etc. para que a UNE e a UBES, entidades históricas dos estudantes, tenham independência diante do governo e organizem a luta para exigir de Dilma outra politica de proteção dos trabalhadores e da nação e o atendimento das reivindicações estudantis como 1,5 bilhões para assistência estudantil, mais vagas nas universidades públicas, Passe livre estudantil etc. Será uma maneira de reforçarmos nossa preparação para o CONUNE que acontecerá no final de maio e dar o inicio a preparação do CONUBES em novembro.

Formação politica: 165 anos do Manifesto Comunista:

Entre as atividades da plenária, também está prevista a realização de um campo de formação, sobre a base do clássico texto de Marx e Engels que nesse ano completa 165 anos e que mesmo assim, é bastante atual: o Manifesto Comunista.

Para ter independência politica é preciso ter independência financeira

Afinal, quem paga a banda escolhe a musica! É por isso que a JR fará sua plenária totalmente autofinanciada através de uma arrecadação independente de todos os inimigos da Juventude. Não aceitamos dinheiro de ONGs, Igrejas, Empresas! Os núcleos vão se engajar numa batalha para o envio dos delegados e o pagamento da inscrição, através da venda de materiais, banquinhas, pedágios, passagem em sindicatos etc. O valor da inscrição será de 60,00 reais e dará direito a alimentação e alojamento, além de custear os materiais. Cada núcleo deve garantir o envio do coordenador ou de um delegado! Mãos à obra!

 Conselho Nacional da Juventude Revolução

Preparar a Plenária Nacional da Juventude Revolução em 4 e 5 de maio!