Os militantes da Juventude Revolução, de Recife, se integraram ao Comitê Pernambucano Contra o Golpe no Paraguai, que convocou todas as organizações de juventude e de movimentos sindicais e sociais. O Ato foi marcado pela ação comum de militantes de diferentes organizações na luta contra o imperialismo, e a necessidade de sairmos em defesa de nossos irmãos paraguaios.

Organizações de juventude como a JPT, JR, UJR, UJS, ANEL, participaram desse ato, que se iniciou com um diálogo relacionado a toda a conjuntura política vivida pelo o Paraguai, destacando que esta crise reacende o debate sobre a reforma agrária, e as ingerências estado unidenses na política interna dos países da América Latina.

Após esse primeiro momento, realizamos panfletagem na Praça do Diário, com uma carta do Comitê Pernambucano Contra o Golpe no Paraguai, dialogando com a população em relação a situação paraguaia e os reflexos disso no Brasil, onde assim como no Paraguai, não houve uma reforma agrária, tendo um grande monopólio de latifundiários e mega-empresas imperialistas como a Monsanto, que massacra os trabalhadores do campo, e patrocinou o golpe paraguaio, que culminou na derrubada do Fernando Lugo. Houve uma grande receptividade entre as pessoas, que conversavam com os militantes e demonstravam muito interesse na temática, e destacando que na Globo e outras mídias hegemônicas não estavam dando a atenção devida, e estão tratando o caso como algo corriqueiro.

Realizamos uma caminhada para a Estação Recife de Metrô, e continuamos a panfletagem, colagem de cartazes e no fim, tiramos uma foto que marcou esta positiva construção.

 

João Victor Cruz, é militante da JR em Recife-PE

Núcleo da JR-IRJ em Recife participa de Ato contra o golpe no Paraguai.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *